Segundo a Bíblia, o mundo vai acabar dia 24 de junho de 2018

Ao longo da história as pessoas sempre acreditaram que irá chegar um dia em que o mundo como o conhecemos termina. Algumas pessoas chamam-lhe apocalipse ou dia do juízo final, ou até armagedão. Todas estas designações servem para explicar o mesmo fenómeno: o fim do mundo. O ano passado David Meade falhou o seu cálculo acerca do planeta Nibiru, que supostamente iria atingir o planeta terra e destruí-lo.

Queres ganhar 130€? É simples, só tens de aceder este >> LINK <<

Já no ano de 2012, o calendário Maia deu que falar uma vez que apesar de prever com exactidão luas e eclipses desde há milénios, o mesmo calendário terminava em 21 de dezembro de 2012, o que levou muita gente a acreditar que seria o fim dos tempos. E se recuarmos mais um pouco, muitas pessoas tinham receio do ano 2000(lembra-se do ditado “aos 2000 chegarás, dos 2000 não passarás”?). Na verdade o ano 2000 trouxe algumas complicações a nível informático pois alguns computadores não estavam programados para lidar com essa data, mas foi tudo resolvido com relativa facilidade.

Agora que 1 mês já passou desde que começou 2018, uma nova teoria veio ao de cima. O teórico Mathieu Jean-Marc Joseph Rodrigue aponta para a bíblia para reforçar a sua teoria de que o mundo irá acabar a 24 de junho de 2018. Ele diz que isso está implícito numa passagem da bíblia que diz: “a ele foi-lhe dada autoridade para agir por 42 meses”.

Numa entrevista ao “Daily Star”, o teórico afirmou: “Eu ouvi uma voz no meio de quatro seres vivos. Isto é sabedoria. Aquele que tem inteligência saberá interpretar a figura da besta. Ela representa o nome de um homem. A sua figura é 666.” Supostamente, adicionando o número de colheitas destruídas juntamente com a escalada de preços, pode-se obter a data do último dia do planeta Terra.

Mathieu diz que para se encontrar a data exacta, ele precisou de adicionar o número “666” referido na bíblia, e adicioná-lo aos seus cálculos que também já incluíam outro número descrito da bíblia, o “42” de 42 meses referido na passagem acima citada.

Mathieu afirma que quando estes números, dispersamente mencionados na bíblia, se juntam e são somados, eles apontam para a data precisa de 24 de junho de 2018.

Esta não é a primeira vez que um ousado teórico vem a público defender uma teoria de um fim cataclísmico para o nosso planeta, e por conseguinte para a humanidade. David Meade já o tinha feito o ano passado, mas depois recuou nas suas afirmações e disse que afinal o que iria começar no dia 23 de setembro de 2017 seriam “apenas” 7 anos de “desastres e tragédias”.

Pelo sim, pelo não, talvez queira marcar as suas férias para outra altura!

COMPARTILHAR