Incêndios: Bombeiros perdem o controlo sobre o fogo em Mação

Os bombeiros nada podem fazer contra o fogo tocado a vento em Mação. A frente já atingiu proporções gigantescas, e resta agora como se costuma dizer “deixar arder…”.

Queres ganhar 130€? É simples, só tens de aceder este >> LINK <<

Os reacendimentos em Vila de Rei e Mação tornaram o combate aos incêndios mais complicado no domingo, a situação chegou a melhorar ao início da madrugada, mas tornou a piorar com o forte calor que se faz sentir em todo o país.

Recorde-se que os cinco incêndios no distrito de Castelo Branco, inicialmente começaram por mobilizar mais de 500 operacionais, 151 viaturas e alegadamente 17 meios aéreos, embora muitos habitantes locais tenham dito que não viam mais de “2 ou 3 aviões”.

Tudo leva a crer que numa fase inicial talvez tenha existido um “facilitar” por parte das autoridades responsáveis pela mobilização de meios operacionais, julgando talvez que conseguiam conter as chamas com menos elementos. O plano inicial tornou a falhar, e certamente haverá uma desculpa à altura…como sempre.

PS: Já sabia que os nossos bombeiros andam a pão e água, literalmente, com todo o desgaste físico que a situação exige? Se não sabia, veja aqui.

COMPARTILHAR